IMAGINE. LEIA. NAVEGUE.

quinta-feira, 30 de outubro de 2014

Seu sorriso


Eu estava na biblioteca da escola lendo mais um dos livros maravilhosos do John Green. Quer dizer, eu estava tentando ler, porque na minha frente, estava Harry Styles. 
Eu sei que é meio clichê dizer isso, mas ele é um dos meninos mais lindos da escola. 
Aquele que todas as garotas conhecem e querem para elas, seja para namorar, ficar ou ser simplesmente um amigo. Harry é um garoto terrivelmente lindo, simpático, descolado, divertido. Quem não ia querer um menino desses como seu príncipe encantado? Pois é, todos querem. Inclusive eu.

-Eu adoro seu sorriso! 

Disse, observando Harry sorrir, ao ver algo na tela do celular dele. Foi espontâneo. Não era para aquelas palavras terem saído da minha boca, mas aconteceu. Não consegui me segurar. Era tarde demais para se arrepender.

-Nossa, isso é uma honra vindo da dona de um dos sorrisos mais lindo que eu já vi -Ele rebateu minha afirmativa, ganhando o prêmio de menino mais fofo da escola no meu coração. Como ele podia responder uma coisa dessas para mim? Fiquei meio que nas nuvens e minhas pernas começaram a tremer.
-Uau! -Abaixei a cabeça. Eu não esperava mesmo aquela resposta dele- Não sei nem mais o que dizer -Sorri- Você é um menino super fofo. Parabéns por isso, ta difícil de se encontrar garoto assim hoje em dia -Ah, eu não sabia o que falar. Disse isso mesmo.
-Muito obrigada, (s/n) -Ele sorriu de uma forma maravilhosamente linda- Já que você teve a iniciativa de me elogiar, posso te falar uma coisa também? -Ele prestou mais atenção em mim, largando o celular. Me olhou firme.
-Eu adoro seus olhos. -Afirmou com um certo sorriso e eu senti minhas bochechas corarem. Meu Deus, que menino "lindo-de-mais-que-faz-as-meninas-inocentes-ficarem-apaixonadas"
-Sério? Você gosta deles? -Perguntei, sorrindo.
-Claro. Eles são lindos. Você não acha? -Ele perguntou, analisando ainda mais meus olhos e aquilo estava acabando comigo. Minhas mãos começaram a suar.
-Ah-h, obrigada -Ri, sem graça, colocando uma madeixa de meu cabelo pra trás da orelha.
-Seu cabelo também é lindo, a propósito -Ele sorriu lindamente mais uma vez, fazendo meu coração disparar com o elogio+sorriso.
-Muito obrigada. E você tá me deixando com muita vergonha -Dei um tapinha em seu ombro, fazendo-o rir e em seguida, escondi meu rosto com as mãos.
-Hey, (s/n) -Ele me chamou e eu o olhei- Eu tenho que ir agora, tenho aula.
-Ah, tudo bem -Sorri.
-Me encontra hoje, depois da aula aqui mesmo?
-Pra que? -Perguntei.
-Quero te ver de novo -Sorri- Até mais! -Ele me deu um BEIJO na bochecha e eu quase desmaiei com o cheiro de perfume dele que entrou nas minhas narinas. QUE MENINO MARAVILHOSO, MEU DEUS. SOCORRO!

Depois da aula

-(S/n), posso falar com você? -Jesy chegou falando, depois da aula, enquanto eu ainda arrumava meu material com uma certa pressa.
-Pode ser depois? Estou atrasada, preciso ir até a biblioteca antes de ir embora.
-Posso ir com você até lá? -Ela perguntou.
-NÃO? -Disse um pouco alto e rápido demais, fazendo ela arregalar os olhos assustada- Quer dizer, não, não... 
-Ok -Disse, estranhando minha reação.
-Ah, quer saber? Fala agora! Só não demora muito -Coloquei minha bolsa em cima da mesa.


-Poxa, que demora, (s/n)! Comecei a pensar que você ia desistir de me ver de novo -Ele disse, assim que me viu.
-Claro que não -Sorri- E aí, como foram as últimas aulas?
-Normais e chatas como sempre -Ele fez cara de tédio- Prefiro mesmo ta aqui com você.
-Ah, Harry, fala qual é a tua, por favor -Disse, rindo- Antes a gente só fala um "bom dia", "boa tarde" ou "oi, tudo bem?" e agora...
-Isso é culpa sua que começou dizendo que meus olhos são lindos -Afirmou, com um sorriso de lado- E antes eu nunca tive a oportunidade de falar com você, mas eu sempre te achei uma menina muito simpática e linda. Mas tudo bem, se você ta achando muito estranho essa aproximação, a gente para de se falar e...-Ele já ia levantando, mas eu o impedi, colocando minha mão na frente do seu corpo. Isso fez com que ficássemos bem perto um do outro. Eu paralisei por isso.
-Para de drama -Disse baixinho, ainda encarando seus olhos perto dos meus- Não precisa se afastar de mim, eu só comecei a estranhar um pouco.
-Ótimo -Ele sussurrou de volta- Porque tudo o que eu menos quero é me afastar de você no momento -Ele encarou meus lábios. AI MEU DEUS, eu sei o que isso significa!!!!

E aconteceu.

Ele me B-E-I-J-O-U e OLHA! Que pegada hein! Envolveu seus braços na minha cintura e puxou meu corpo com tudo contra o dele. Virei minha cabeça para o lado oposto que ele virou, e depois de alguns segundos, nossas línguas lutavam uma com a outra e... QUE SENSAÇÃO! Ele beija mega bem. 
Ficamos nisso até ouvirmos passos adentrando a biblioteca. Eu afastei rapidamente meus lábios do dele, mas isso não impediu que ele deixasse de envolver minha cintura. Ficamos coladinhos um no outro, fazendo o máximo de silêncio e prestando atenção para ver se existia qualquer indício de pessoas no local.

-Acho que eles estão chegando mais perto- Ele sussurrou contra a minha boca, fazendo o hálito dele entrar nas minhas narinas. Quase desmaiei.
-Melhor a gente se esconder -Respondi, no mesmo tom.
-Concordo -Ele disse, mas continuou me segurando.
-Harry, me solta! -Disse.
-Ai, tá -Riu, pela própria falta de atenção dele e então nós nos escondemos entre os livros.

Em casa

"Pode me dizer por que eu não consigo parar de pensar em você, (s/n)?"

Ele me mandou essa mensagem e eu não posso negar que achei uma fofura. E adorei, claro. Não sabia o que responder. Mordi os lábios e pensei, pensei, pensei... Logo me dei conta que já havia se passado dois minutos. E eu já visualizei então, ele pode achar que eu não quero falar com ele e MEU DEUS não é nada disso.

"Desculpa, mas isso eu não posso te responder, Harry Styles hahaha"

Resolvi responder isso, e esperei a próxima mensagem dele. Quando vi, já estávamos trocando SMS.

"Você beija bem."

Sorri com essa mensagem.

"Posso dizer o mesmo para você. Tu já tava pensando em me beijar, Harry?"

"Mais o menos. Eu estava a fim, e ia tentar, mas achei que não ia rolar."

"E acabou rolando."

"Ôh, se rolou...ehuehuee"

"Pois é. Fico preocupada de como nós vamos nos comunicar na escola, tipo... Que nem antes?"

"Claro que não! Eu quero ser mais do que seu coleguinha de escola, (s/n). Um amigo ou até mais que isso. Se você topar..."

"Isso é um pedido de namoro?"

"Tecnicamente, sim!"

"Então eu vou dizer não. Primeiro porque eu te conheci direito hoje. Seria mega estranho da nossa parte começar a namorar agora. E segundo: Odiei esse pedido de namoro hsuashau"

"Ok, então a gente continua se pegando até um tempinho, e depois eu tento ser mais romântico, planejando um pedido de namoro bacana."

"Adorei a ideia hahaha."

Nenhum comentário:

Postar um comentário